Geral

Morgan Stanley oferece Bitcoin a investidores

Postado por em 18 de março de 2021 , marcado como , , ,

O Morgan Stanley é a terceira maior instituição de investimento no mercado financeiro global na atualidade.

Todavia, será a primeiro grande banco dos EUA a oferecer fundos de Bitcoin aos seus grandes clientes.

A informação originalmente vem do canal de televisão CNBC e foi divulgada na manhã desta quarta-feira (17).

A notícia revela mais uma inserção do Bitcoin no universo das finanças tradicionais.

Bancos desse porte, em geral, temem novas tecnologias como o Bitcoin.

Entretanto, a configuração econômica atual fez com que barreiras estejam sendo rapidamente superadas.

Morgan Stanley de olho no mercado do Bitcoin

De acordo com a CNBC, as novas possibilidades de investimento atingiram os assessores financeiros da companhia por meio de um memorando interno.

Assim, o documento diz que o banco está lançando acesso a três fundos que permitem a posse de bitcoin em até 2,5% do patrimônio líquido aos interessados.

Dois deles, revelou o site, oferecidos pela Galaxy Digital, a empresa de criptomoedas fundada por Mike Novogratz.

O terceiro, continuou, virá de uma parceria entre a gestora de ativos FS Investments e a empresa de bitcoin NYDIG.

Fundos de investimento destinados aos mais ricos

Os fundos são voltados para grandes investidores, ou seja, para “os clientes mais ricos”.

Portanto, uma empresa de investimentos, para se qualificar a investir no novo produto, precisa possuir pelo menos US$ 5 milhões em ativos sob custódia no banco.

No caso de clientes pessoas físicas, só poderão investir aqueles que “possuam pelo menos US$ 2 milhões em ativos mantidos pela empresa”.

Além disso, no caso das pessoas físicas, “as contas devem ter pelo menos seis meses”.

Todavia, os potenciais clientes só poderão fazer investimentos nesses fundos no próximo mês.

Isso porque os consultores do Morgan Stanley primeiro precisam fazer os cursos de treinamento vinculados às novas ofertas.

Morgan Stalney estaria interessado em um ETF de Bitcoin

Em Fevereiro passado, a New York Digital Investment Group (NYDIG) protocolou o pedido de autorização para comercializar um ETF de Bitcoin.

O Morgan Stanley consta no documento oficial como único participante inicial autorizado do referido ETF.

Porém, a SEC ainda não deu aval ao pedido.

Seja como for, fica nítido o interesse do banco de investimentos a respeito do tema.

Dessa forma, teremos ainda tempos excitantes para o universo cripto.

Especialmente à medida em que as moedas digitais descentralizadas provam seu valor ao mercado tradicional em tempos de crise.

Para um guia sobre como comprar Bitcoin, clique aqui!