Geral

Mineradores de Bitcoin podem estar ajudando a derrubar o preço da criptomoeda

Postado por em 11 de dezembro de 2020 , marcado como , , ,

Os mineradores do Bitcoin parecem ter vendido grandes quantidades da moeda durante a recente alta histórica e estarem contribuindo para que a moeda caia de preço.

Após ultrapassar a máxima história recentemente, o BTC é agora negociado US 17.980,90.

Além disso, dados do CryptoQuant mostram que o Índice de Posição dos Mineradores de BTC – uma métrica que rastreia a proporção de BTC que sai das carteiras dos mineradores – atingiu a máxima nos últimos três anos.

Esse gráfico indica que os mineradores provavelmente estão vendendo seus bitcoins em grande volume.

Grandes negociações de Mineradores

Recentemente, duas grandes transações de Bitcoin vinculadas a mineradores foram detectadas enquanto o Índice de Posição dos Mineradores disparava para níveis jamais vistos desde a alta de 2017, de acordo com dados da CryptoQuant.

Primeiro, cerca de 800 BTC, no valor de US$14,5 milhões, foram transferidos para a Binance.

Em segundo lugar, 11.852 BTC, equivalente a US$215,9 milhões, foram transferidos para uma carteira desconhecida.

Curto prazo para Bitcoin pode ser de queda

Os mineradores normalmente vendem Bitcoin por meio de exchanges à vista ou via OTC.

Quando ocorre uma liquidação nas exchanges, isso às vezes tem o efeito de intensificar a pressão de venda de curto prazo sobre o preço do ativo.

Porém, o impacto no preço do BTC não é tão direto quando os mineradores vendem no OTC.

De acordo com Ki Young Ju, o CEO da CryptoQuant, os mineradores venderam Bitcoin em grande quantidade no último 10 de dezembro.

Embora Ki permaneça otimista sobre o preço do BTC em janeiro, ele explicou que esta é uma tendência potencialmente preocupante para o curto prazo.

Ele disse o seguinte no Twitter:

“Obviamente, os mineiradores estão vendendo muito $BTC hoje. Ainda estou comprado, mas este não é um bom sinal no curto prazo. ”

Médio prazo para Bitcoin pode ainda ser de alta

Enquanto os mineradores vendem muito Bitcoin, instituições compram.

A Grayscale Bitcoin Trust (GBTC), por exemplo, está agindo para acumular mais Bitcoin do que vem sendo extraído pela mineração.

Nos últimos meses, a Grayscale continuou a aumentar suas reservas até ultrapassar US$10 bilhões em ativos sob gestão.

Se essa tendência permanecer intacta, só essa instituição já pode ajudar a compensar a pressão de venda de mineradores e baleias no curto e médio prazo.

Em outubro, Dan Tapiero, o cofundador da 10T Holdings, disse que o Bitcoin também poderia enfrentar uma potencial crise de fornecimento como resultado das ações da Grayscale.

No Twitter, Tapiero disse que a instituição está “comendo Bitcoin como se não houvesse amanhã”.

Os mineiradores podem causar um recuo do Bitcoin de curto prazo?

Sim, mas também é verdade que o Bitcoin falhou em romper o nível de resistência perto de US$19.700.

Portanto, pode-se argumentar que a liquidação dos mineradores ocorre para aproveitar o preço atual, num momento em que os investidores já anteciparam uma correção brusca após a alta histórica.

Além disso, os indicadores na blockchain do Bitcoin demonstram que talvez haja fôlego para evitar que o BTC caia ainda mais para US$16.000 ou possivelmente ainda mais baixo.

Para um guia sobre como comprar Bitcoin, clique aqui!