Investimentos Tecnologia

Fundação Gates se alia a ex-CTO do Ripple para desenvolver sistema de pagamento de blockchain aos mais pobres

Postado por em 19 de outubro de 2018 , marcado como , , , , , ,

A Fundação Bill e Melinda Gates firmou uma parceria com a startup de blockchain Coil, como parte da sua missão de proporcionar serviços de pagamentos para as pessoas sem acesso à instituições financeiras.

Fundação Gates se alia a ex-CTO do Ripple para desenvolver sistema de pagamento de blockchain aos mais pobres 

(Foto: Pixabay)

A notícia foi divulgada no dia 17 de outubro por meio de um tweet de Miller Abel, vice-diretor e responsável tecnológico da organização.

Abel revelou que a Fundação Gates e a Coil trabalharão juntas para implementar o Protocolo Interledger, que visa explorar formas de apoiar sistemas de “pagamentos em favor dos mais carentes”.

O interledger é um sistema de interoperabilidade que permite pagamentos em diferentes redes criptografadas.

A tecnologia foi inicialmente desenvolvida pelo antigo CTO do Ripple, Stefan Thomas, enquanto ele ainda trabalhava na empresa de pagamentos descentralizados.

Por isso a mesma tecnologia está sendo utilizada como base para a Coil, startup que Thomas fundou no início desse ano.

Plataforma Mojaloop

Embora os detalhes sobre a parceria ainda não tenham sido revelados, Abel mencionou o Ripple em seus tweets.

Isso porque a Fundação Gates e a empresa de tecnologia distribuída compactuam de uma aliança estabelecida desde outubro do ano passado, quando os dois lançaram um software de código aberto chamado Mojaloop — também focado em serviços de pagamentos para os mais pobres e sem acesso a banco.

Os desdobramentos recentes parecem indicar que a Fundação Gates trabalhará com a Coil e com o Ripple, a fim de desenvolver ainda mais a plataforma Mojaloop.

O sistema utiliza a tecnologia interledger e conecta partes do sistema de pagamento para facilitar as transações em tempo real.

De acordo com um comunicado da assessoria de imprensa, publicado no ano passado, o Mojaloop é um “software de código aberto para criação de plataformas de pagamentos que ajudarão pessoas ao redor do mundo a acessar serviços financeiros digitais”.

Abel twittou que os pagamentos do Mojaloop estarão disponíveis na moeda nacional do país que receber a implementação, “de modo que o protocolo ajude a incluir e integrar as pessoas, que historicamente foram deixadas de fora do sistema”.

Essa não é a primeira notícia sobre a Fundação Gates explorando aplicações da tecnologia blockchain. Desde o início de 2015 que a organização direciona esforços que melhorar a inclusão financeira.

Fonte: Coindesk

loading...