Geral

Atual alta do Bitcoin é diferente da que ocorreu no final de 2020

Postado por em 20 de August de 2021 , marcado como

Aqui há algumas razões que demonstram que a alta do BTC está diferente nesse momento da que ocorreu no final do ano de 2020.

Uma alta diferente

Não há como negar o crescimento do preço do Bitcoin nessas últimas semana,=.

Porém, sabemos que nem tudo são flores nesse mercado. 

Alguns têm visto a alta atua do BTC como idêntica à alta do final do ano de 2020.

Todavia, esta comparação revela diversas alterações e mudanças significativas, tornando o cenário atual diferente. 

Grayscale Bitcoin Trust  não fará nada de diferente

Em um mês, o BTC passou de US$ 29.000 para US$ 48.000.

Todavia, mesmo assim ainda não existe uma busca desenfreada pela comprar da criptomoeda atualmente. 

As elevações de preços mais altas possuíram uma base firme, mas ela é diferente do tipo de procura que representou o final de 2020 ou o começo de 2021.

É o caso do GBTC – Grayscale Bitcoin Trust, por exemplo, que segue sendo negociado com cerca de 13% de desconto em comparação ao preço à vista esta semana. 

Apesar do preço do BTC estar em alta, a procura pela GBTC não cresceu na mesma intensidade.

Até com o desconto na taxa não está sendo motivo de um profundo otimismo por parte dos diversos investidores institucionais.  

Quando o Bitcoin chegou em seu ápice da sua alta, na sua reabilitação, o prêmio do GBTC ficou, à época, em torno de -20%.

“Embora acima de seu desconto de 20% estabelecido em maio, o GBTC ainda está sendo negociado com um grande desconto (-10%)”, analisou o analista do mercado das criptomoedas, Humiston.

“À medida que a demanda realmente começa a se recuperar, o que parece que não aconteceu, provavelmente veremos esse desconto enfraquecer à medida que os participantes do mercado aproveitarem a oportunidade de possuir uma exposição de $BTC com desconto”, concluiu.

Taxas de funding ficam na retaguarda

Outras causas que apontam a recente organização de mercado do BTC é o baixo “open interest”  acerca do futuro do Bitcoin.

Além disso, as taxas de “funding” estão mais baixas do que o previsto anteriormente. 

Os dois indicativos se distinguem do começo da corrida de touros do ano de 2020.

Assim, eles andam em sentido oposto do movimento à época, de acordo com as altas dos preços no mês passado. 

“No tempo em que vimos $BTC passar de US$ 30 mil → US$ 48 mil, o open interest caiu e a taxa de funding do contrato perpétuo de bitcoin ainda é relativamente baixo (embora positivo)”, completou Humiston.

“Nenhum dos dois realmente acompanhou o grande rali do BTC, o que é uma surpresa e não é realmente normal.”

Desde a baixa dos preços em maio, as taxas de funding agora estão muito mais positivas.

Dessa forma, a recente alta do Bitcoin ainda está mais comedida do que aquela que resultou nas máximas históricas no início de 2021.

Portanto, ainda resta o mercado ganhar mais força para que o Bitcoin supere os 60 mil dólares.

Resta ao mercado avaliar os movimentos e aguardar a definição da continuidade da alta atual ou de correção

Para um guia sobre como comprar Bitcoin, clique no link!

Siga o Criptoeconomia nas redes sociais!