Tecnologia

História: a ideia para a tecnologia blockchain nasceu em 1991

Postado por em 15 de junho de 2018 , marcado como , , , , , ,

Quando Satoshi Nakamoto, o misterioso criado do Bitcoin, publicou o documento com as diretrizes da criptomoeda, em 2008, ele citou apenas oito trabalhos anteriores. Três deles, foram artigos da autoria dos físicos Scott Stornetta e Stuart Haber, publicado entre 1991 e 1997.

A ideia para a tecnologia blockchain nasceu em 1991

(Foto: Pixabay)

As raízes do Bitcoin estão no Blockchain, a tecnologia composta por um livro-razão distribuído, conhecido por sua segurança e imutabilidade.

Quando o blockchain foi inicialmente pensado, o objetivo não era revolucionar o mundo do dinheiro, mas garantir o passado e salvaguardar as informações e o conhecimento. Foi o que escreveu, em um ensaio publicado no Wall Street Journal, a professora Amy Whitaker.

De acordo com ela, Stornetta e Haber estavam tentando encontrar uma solução para o perigo de ter arquivos, armazenados em computadores pessoais, adulterados.

Aparentemente, o físico Stornetta teve um insight enquanto tomava sorvete com sua família e pensou: ao invés de ter que confiar em uma autoridade central, o sistema poderia ter muitas copias dispersas, mas interconectadas, em um livro-razão compartilhado.

Então, juntamente com o seu colega, Haber, eles se propôs a encontrar um arquivo criptograficamente seguro – uma maneira de verificar registros sem revelar o conteúdo.

Artigos e patente

E, em um artigo de 1991, intitulado “Como gravar um documento digital no tempo” e publicado no Jornal of Cryptography, eles explicaram a ideia. No entanto, sua patente expirou em 2004, quatro anos antes da inserção do Bitcoin.

Ainda assim, os dois cientistas não se arrependeram de não ter mantido a patente e, assim, ganhar muito dinheiro com a ideia.

Haber comentou que “foi um artigo pequeno e interessante que se transformou em uma ideia gigantesca, o que eu não esperava. Apenas voltei às minhas pesquisas como cientista”.

Stormetta, por sua vez, declarou que teria doado qualquer lucro para organizações de pesquisa em blockchain sem fins lucrativos.

Sem dúvida, Satoshi Nakamoto revolucionou a ideia existente do blockchain, adicionando o conceito de mineração e criando incentivos financeiros para os participantes.

Ainda assim, não podemos esquecer, que o seu propósito inicial era apenas preservar o passado.

Fonte: cryptonews