Mercado

Preço do Bitcoin ultrapassará o valor de US$100 mil, defende executivo do mercado de blockchain

Postado por em 24 de janeiro de 2018 , marcado como , , , ,

“Não tenho dúvida de que o Bitcoin alcançará valores acima de US$ 100 mil”. Isto foi o que afirmou Eran Eyal, CEO do marketplace distribuído Shopin, quando questionado se o preço da moeda digital aumentaria mais de US$ 20 mil.

(Foto: Pixabay)

Eran Eyal não especificou o período de tempo em que o Bitcoin vai atingir os US$ 100 mil, mas apontou alguns fatos históricos e dados relacionados para sustentar sua convicção. Ele apontou que o Ethereum estava negociado em torno de US$ 245, em setembro mas agora está sendo negociado por aproximadamente US$ 957.

Enquanto as maiores moedas continuam a perder valor, Eran insiste que a queda de preços é consequência da repressão imposta na China e Coreia do sul. O governo chinês está mirando na censura e encerramento de todas as plataformas online que facilitam as negociações. O que é uma péssima notícia já que a Coreia se constitui como um dos maiores mercados de transações em criptomoedas.

Eran complementa, “Nos EUA, as exchanges de Bitcoin foram fechadas três vezes”. Por si só, isso já é um sinal de que a moeda sempre encontra maneiras de sobreviver a eventos que resultam de grandes quedas de preços. O mercado de criptomoeda é muito novo mas com uma tendência ascendente. Eran está convencido de que o Bitcoin não entrará em crise mas irá estabilizar e ganhar força quando as repressões passarem. Ele atribui as proibições aos governos que tentam mitigar ramificações do mercado de criptomoedas.

As flutuações de mercado não significam a ruína do Bitcoin

Eran chama o Bitcoin de “uma loja de valores”, assim como é o ouro. Ele ainda aponta que o Ethereum é diferente. Para ele, é uma plataforma usada para construir aplicativos e outras criptomoedas. Ele disse que o valor do Ethereum depende do uso das criptomoedas construídas sobre ele. O valor de cada moeda é derivado de suas utilidades. O que agrega às moedas digitais valor econômico em seus setores de utilização.

As flutuações são naturais nessa indústria jovem. Eles não são indicadores de que o mercado está em declínio. De certa forma, o futuro das criptomoedas está ligado ao Bitcoin. A previsão de que o preço da moeda vai ultrapassar os US$ 100 mil é uma indicação de um futuro brilhante. Esta tendência ascendente poderá ser observada com a maioria das moedas alternativas. A repressão às criptomoedas na China e na Coreia do Sul irão abrandar em breve.

As flutuações e a queda dos preços são apenas indicações do que está acontecendo neste momento. Eles não influenciarão nos preços futuros do Bitcoin e das altcoins. O mercado de criptomoedas não está destinado a crise. Com o tempo, o preço das criptomoedas começará a mostrar um aumento constínuo e o Bitcoin irá ultrapassar a marca de US$ 100 mil.

Fonte: CCN