Mercado Negócios

Bitcoin é nova aposta da tradicional Tokyo Financial Exchange

Postado por em 5 de dezembro de 2017 , marcado como , , ,

Inspirados por concorrentes norte americanos, a instituição financeira asiática, Tokyo Financial Exchange, se prepara para lançar seus próprios produtos derivados de bitcoin.

(Foto: Pixabay)

A Tokyo Financial Exchange, uma das principais instituições financeiras do Japão, que conta com investimentos do JP Morgan Chase dentre suas parcerias comerciais, se estrutura rumo à louca corrida entre as tradicionais instituições financeiras que investem no bitcoin como um produto financeiro.

Segundo o diretor executivo Shoza Ohta, a entidade primeiro criará um grupo de trabalho, que visa estudar e pesquisar criptomoedas, antes de firmar contratos que operem em bitcoin. O produto final, que se tornaria o primeiro artigo financeiro baseado em bitcoin do Japão, exige mudanças nas leis de segurança do país e, como pondera Ohta, o primeiro passo seria a elaboração de uma legislação específica.

Conforme reportado pelo Bloomberg, Ohta ainda ressalta que com a aprovação regulamentar, o cambio pretende avançar de forma acelerada para indexar futuros contratos, e acrescenta:

“Uma vez que os instrumentos financeiros e as operações cambiais reconheçam as criptomoedas como produtos comerciais, nós pautaremos o futuro o mais rápido possível. Para alcançar isto, lançaremos este grupo de trabalho que estudará todos os aspectos; incluindo o panorama atual do bitcoin e a maneira que ele será enraizado na cultura japonesa”.

O Japão, considerado um maiores mercados de bitcoin do mundo, está sendo impulsionado por uma regulamentação amigável que reconheceu a criptomoeda como um método legal de pagamento a partir de abril deste ano.

Como um dos precursores deste movimento, as leis japonesas juntamente com as inclusões regulamentares (o órgão financeiro regulador emitiu, recentemente, 11 licenças para operações com a criptomoeda) tem promovido um cenário singular no mercado com o investimento dos três megabancos do Japão na bitFlyer, maior instituição cambial de bitcoin do país.

Bitcoin na Wall Street

A entrada da Tokyo Financial Exchange no planejamento de oferta de moedas virtuais caminha junto ao CBOE, instituição sediada em Chicago, que confirma lançamento de seus contratos futuros de bitcoin para o domingo, 10 de dezembro. A jogada da CBOE precede o lançamento do concorrente CME, também com sede em Chicago, considerada a maior instituição de derivados cambias do mundo, com lançamento no mercado agendado para uma semana depois, no dia 17 dezembro.

Na Wall Street, o reflexo da histeria em torno do bitcoin é tamanho, que a Nasdac, segunda maior bolsa de ações do mundo, também desenha planos para permitir negociações com a moeda virtual até meados de 2018.

Fonte: Cryptocoins News