Corporativo Tecnologia

4 dicas sobre como você pode construir uma carreira no ecossistema blockchain

Postado por em 29 de junho de 2018 , marcado como , , , ,

Nos últimos 18 meses, o blockchain saltou para o cenário mundial e se apresentou como a solução para muitos dos problemas mais urgentes do setor de tecnologia.

(Foto: Pixabay)

Todo esse entusiasmo criou uma demanda crescente por empregos relacionados ao sistema. De acordo com a Upwork, uma plataforma global para freelancers, as habilidades relacionadas ao blockchain foram as mais demandadas no primeiro semestre de 2018.

Além disso, o TechCrunch noticiou que “os empregos relacionados ao blockchain são considerados o segundo crescimento mais rápido no mercado de trabalho atual, com 14 vagas para cada desenvolvedor”.

É claro que aqueles que buscam trabalhar com o blockchain seguirão um caminho diferente do que os empreendedores de tecnologia que vieram antes deles.

O que essa recente indústria precisa é de pessoas que estão continuamente desenvolvendo suas habilidades e se mantendo atualizadas com os avanços do setor. Com isso em mente, qual a melhor maneira de estabelecer estrategicamente uma carreira na tecnologia blockchain? É sobre isso que iremos falar hoje.

O caminho para o sucesso

  1. Comece pelo básico

O blockchain é diferente de qualquer outra tecnologia disponível e entender suas particularidades é um elemento fundamental.

Recursos como descentralização, contratos inteligentes e Dapps são mais do que apenas termos usuais. Eles são a essência do blockchain e qualquer profissional bem sucedido na área deve compreendê-los intimamente.

Algumas habilidades técnicas também formam a base de um desenvolvedor blockchain. JavaScript, para desenvolvimento web, e Solidity, uma linguagem de programação popular para construção de contratos inteligentes, são boas formas de começar.

Essas habilidades não apenas ajudam com a educação em blockchain, mas também capacitam os alunos a serem freelancers como web designer, enquanto aprendem a desenvolver sua destreza relacionadas a cadeia de blocos.

Nesse caso, um nível de educação formal pode ser útil. O que não quer dizer que os aspirantes a desenvolvedores precisam frequentar uma faculdade. Em vez disso, as plataformas de educação online oferecem cursos abrangentes.

  1. Criptografia

Os ativos estão cada vez mais presentes online, ressaltando a importância da criptografia. O blockchain é exaltado por sua capacidade de proteger e assegurar esses ativos e a criptografar o sistema é fundamental para tornar isso possível.

A falha no emprego correto da criptografia pode significar desastrosas consequências para as empresas que dependem dessa segurança.

A notícia boa é que o treinamento em criptografia está disponível online em plataformas confiáveis como a Coursera e o Udacity.

  1. Compreender a teoria e a aplicação da computação distribuída

A computação distribuída não é apenas mais uma teoria. Em uma era onde a confiabilidade e a segurança são dois dos problemas mais frequentes, a computação distribuída representa a solução do blockchain.

No entanto, isso está longe de ser uma prática superada. Ainda existem muitas áreas que precisam de soluções.

Por exemplo, questões de escalabilidade e consumo excessivo de energia continuam afetando sua implementação.

Alunos da tecnologia blockchain precisam estudar o problema para que possam, mais tarde, começar a remover esses obstáculos.

  1. Gerenciamento da comunidade

Existem centenas de novos projetos de criptomoedas e estar atento as comunidades ativas que os circundam ajuda a estimular seu crescimento e popularidade. Gerenciar essas comunidades pode funcionar como um mecanismo de treinamento para estudantes de blockchain.

Se aproxime de startups de blockchain respeitáveis e ofereça seus serviços de gerenciamento da comunidade, que incluem: organização de eventos, mediação das discussões e outras atividades voltadas para o engajamento.

Embora essa não seja uma habilidade perceptível, é uma ótima oportunidade para estabelecer networking. Além de obter insights pessoais sobre a indústria e sua comunidade.

É um caminho tangível para começar a participar de uma carreira baseada em blockchain.

Faça seu próprio caminho

O mercado de blockchain está prosperando e aqueles que procuram se envolver encontrarão seu próprio caminho para o sucesso.

Em vez de passar anos em uma instituição acadêmica se preparando para uma carreira no ecossistema do blockchain, essas estratégias DIY (Faça Você Mesmo) podem agilizar o processo e torna-lo viável para praticamente qualquer pessoa que tentar se destacar. A indústria está florescendo e o mercado está aí para ser preenchido.

Fonte: Entrepreneur